sexta-feira, 5 de junho de 2009

Ocappuccino Notícia.

Por Isadora Langaro, estudante de Relações Públicas da UFRGS


Relações Públicas conquistam Cannes
Finalmente o Festival Internacional de Publicidade de Cannes se rendeu às Relações Públicas. O célebre festival que premia os melhores leões da publicidade criou em 2009 o PR Lions, voltado aos profissionais de RP. As categorias de premiação são melhor uso da internet, mídia digital e mídia social, melhor uso de eventos ao vivo e/ou apoio de celebridades, melhor uso de patrocínio, melhor lançamento ou re-lançamento, melhor campanha integrada e melhor campanha internacional em Relações Públicas.
Serão julgados os critérios criatividade, estratégia, originalidade, execução e resultados em todas as categorias. Para concorrer, as ações devem ter acontecido entre os dias 1º de março de 2008 e 30 de abril de 2009.
O júri, comandado pelo britânico Tim Bell, presidente da Chime Communications, conta com dezesseis profissionais de Relações Públicas de todo o mundo. Os vencedores serão anunciados no dia 22 de Junho de 2009.
A 56ª edição do Festival Internacional de Publicidade de Cannes acontece entre os dias 21 e 27 de junho de 2009, na cidade de Cannes, na França. Para saber mais acesse http://www.canneslions.com/.
Agora vamos descobrir se os brasileiros são tão talentosos em RRPP quanto são em publicidade.

Congresso de Comunicação aborda as Relações Públicas 2.0
O 12º Congresso Brasileiro de Comunicação Corporativa, que aconteceu nos dias 27, 28 e 29 de maio de 2009 em São Paulo, confirmou o que Ocappuccino já disse: as Relações Públicas estão cada vez mais presentes nas redes sociais.
Prova disso foi a palestra Direto da Fonte: o RP 2.0 bate na porta do consumidor final, ministrada pelo diretor de comunicação integrada da Inpress Porter Novelli Hugo Godinho e que lotou a sala.
Com várias dicas sobre blogs, Twitter, Orkut, Facebook e outras redes sociais, o palestrante mostrou que a comunicação organizacional pode sim estar intimamente ligada à web 2.0. Mas, cá entre nós, isso não é muita novidade, né?

Gerenciamento de crises da Air France dá exemplo
Menos de dois anos separam o maior acidente aéreo já ocorrido no Brasil, que aconteceu no dia 17 de julho de 2007 no aeroporto de Congonhas, do desaparecimento e provável acidente envolvendo o avião da Air France que partiu do Rio de Janeiro rumo a Paris esta semana. No entanto, muitas diferenças distanciam as duas tragédias, especialmente no quesito gestão de crises.
A companhia aérea francesa está manipulando a situação de forma exemplar, ao contrário do que a TAM fez em 2007. No acidente com a companhia brasileira, parentes das vítimas foram expostos aos piores tipos de sentimentos, como incertezas e falta de informações. Ao contrário, após o acidente ocorrido esta semana a Air France rapidamente disponibilizou inúmeros canais de comunicação com os parentes dos desaparecidos e os poupou do assédio da imprensa.
Apesar da tragédia, os franceses dão uma bela lição aos empresários e relações públicas brasileiros de como a dor pode ser amenizada com um bom planejamento estratégico.

O assessor de imprensa apresentado por um jornalista
A
assessoria de imprensa é uma das áreas da comunicação que mais emprega profissionais de Relações Públicas, mas costuma causar muitas discussões com jornalistas. No livro Assessor de Imprensa – Fonte qualificada para uma boa notícia, o autor Rodrigo Capella traz importantes conclusões sobre este mercado.
Resultado da tese de pós-graduação do jornalista, o livro apresenta um estudo embasado em pesquisas e entrevistas com relações públicas, jornalistas, assessores de imprensa e estudiosos de comunicação, traçando limites no relacionamento do assessor com os veículos de comunicação.
O livro já está à venda pelo preço médio de R$ 30. A publicação é da editora Clube de Autores.
Agora é a vez de um RRPP escrever a respeito! Quem se candidata?

5 comentários:

Valéria Costa 5 de junho de 2009 22:19  

Muito bom saber que as Relações Públicas estão, cada vez mais, conquistando espaço. Conquistamos até o festival de Cannes! rs...
Postei no integre-se a cobertura do evento com o Ministro Miguel Jorge e com o Presidente da Basf na Améria Latina Rolf-Dieter Acker, como vocês haviam ma pedido!

Abraços,
Valéria Costa

Teteu 6 de junho de 2009 13:44  

boa noticias isa, e com certeza a air france está gerenciando muito bem toda a situação delicada e pode deixar que vou escrever na minha monografia uma tese de que Asessoria de Imprensa é pra jornal mesmo

max delazeri 6 de junho de 2009 19:20  

Não sou profeta!
Mas o jeito que as melancias tão se ajeitando na carroça, me diz que a
assessoria de imprensa vai acabar ficando com os jornalistas mesmo,
uma vez que os RRPP vão estar ocupados cuidando das redes sociais.

Max Delazeri

Simone Anjos 6 de junho de 2009 22:46  

É muito bom saber que o Festival de Cannes abre espaço para os profissionais de Relações Públicas, um espaço mais que merecido e conquistado pela atuação que nós RP's desempenhamos dentro das esferas que nos competem, e como vemos no próprio artigo alargando os horizontes. Destacando a importância do profissional nas empresas, Isa chama a atenção da maneira que está sendo conduzida o gerenciamento de crise da Air France (sabemos que é um esforço conjunto)mas fica o exemplo: os franceses dão uma bela lição aos empresários e relações públicas brasileiros de como a dor pode ser amenizada com um bom planejamento estratégico.Valeu o Post!
Abraços,

Mano Delazeri 7 de junho de 2009 21:10  

Obrigado Valéria, o Integre-se já é um super parceiro do Ocappuccino, vou ler o post.

Related Posts with Thumbnails

RPs blogs e blogueiros

Outros blogs e blogueiros

  © Ocappuccino.com :: Desde junho de 2008 - Porto Alegre - RS - Brasil | contato@ocappuccino.com | @ocappuccino |

Home