sábado, 30 de outubro de 2010

Sobre a reunião Conrerp-ABRP com a Facamp.

sábado | 30 de outubro de 2010

Hoje as relações-públicas Dra. Maria José da Costa Oliveira (Veris-ABRP), Ms. Claudia Cilo (Puccamp), Silvana Nader (Veris-Nader Comunicação) e eu fomos à Facamp para conversarmos com o Prof. Dr. João Manuel Cardoso de Mello, a convite deste. O professor fizera um comentário acerca de algumas profissões que julgamos inadequados. Eu entrara em contato com a instituição por meio de sua Ouvidoria, pois acreditava que até poderíamos jogar o assunto na fogueira, mas eu as demais lideranças entendemos que o melhor seria fazer o que ensinamos e praticamos: o diálogo.

A reunião aconteceu no campus da Facamp, em Campinas (SP), em espaço anexo à Unicamp na manhã de hoje, reunindo os cinco nomes citados. Pudemos ouvir do professor que as suas impressões sobre a área eram as que ele manifestara. Longe de nós querermos impedi-lo de manifestar-se, tentarmos fazer qualquer panfletagem ou evangelização. Nosso deslocamento, e o aceite de nossa parte, não tinha outra intenção senão mostrar ao professor que ele estava errado, tanto no conceito equivocado sobre a atividade quanto na ação de enunciação acerca de um assunto fora de sua alçada e de seu domínio conceitual. Entendemos que ele tem fontes ruins.

A informação foi retirada do site - antes mesmo de a reunião acontecer - e decidimos não apenas demonstrar com fatos o que dizíamos - estatísticas, pesquisas e informações -, mas também com subsídio teórico: vamos enviar material de primeira linha que as RP tem feito nos últimos anos. Precisaríamos de tudo isso? É claro que não. Vários outros caminhos poderiam ter sido adotados, mas nossa atividade tem como diferencial a construção de relacionamentos e não podemos simplesmente erguer uma barreira diante de quaisquer assuntos ou nos valermos apenas dos inputs positivos.

O professor receberá um volume selecionado de material sobre a área para poder ser, de fato, um multiplicador. Não um defensor, pois isso cabe a ele decidir, mas com certeza com embasamento para poder discutir sobre o tema. Em fevereiro a mesma comissão receberá o professor para uma nova conversa. Doravante o professor não mais se manifestará acerca de RP, nos garantiu, e pudemos dizer-lhe quão perigoso é falar sobre alguma coisa sem base e que isso pode gerar uma crise de imagem: mas já dissemos a ele que há um profissional qualificado para cuidar desse tipo de caso. Ele entendeu.
_ _ _








* * *

Nota do blog: Apenas para contextualizar. O blog Ocappuccino está acompanhando este episódio desde o início. Desde que a entrevista original do Prof. Dr. João Manuel Cardoso de Mello foi publicada no site da Facamp. E desde o princípio da indiganção dos relações-públicas na Internet, principalmente no Twitter. A ansiedade de todos era, desde o início, para conhecer as providências que a Faculdade tomaria, frente à revolta dos RPs. Lendo o texto acima, podemos compreender que a única atitude que a Facamp tomou (a edição da entrevista) foi negociada com as entidades que ontem nos representaram na reunião. Um ponto a favor do diálogo e do entendimento. Somente editar a entrevista e não emitir sequer uma nota de desculpas é, ainda que tímida, uma ação que demonstra pelo menos a assimiliação de um duro golpe e a declaração pública de um grande erro. Convidamos o Professor Doutor Luiz Alberto de Farias para escrever este post, pois tomamos conhecimento, por um tweet, de que ele era um dos representantes relações-públicas que estaria no encontro. As 19h39 enviamos o convite ao seu e-mail. As 20h21 a resposta aceitando, gentilmente, o convite e já contendo o texto publicado acima. Citamos os horários para simbolizar a rapidez disso tudo (viva a tecnologia!). E ainda na noite de ontem, trocando e-mails com Silvana Nader, que também estava na reunião representando o Conrerp 2, ela escreveu: Acreditamos que de fato esclarecer, dialogar e trazer para nosso lado é a melhor estratégia. Somos profissionais do diálogo! Este foi o objetivo das entidades representativas das Relações Públicas no encontro: dialogar. E podemos sintetizar todo este episódio nestas duas frases da Silvana. Somos mesmo profissionais do diálogo. E foi assim que agimos. Assim que demonstramos que uma manifestação que surge na Internet pode tomar enormes proporções e interferir nos diálogos da vida real. O mais legal é saber que já está marcado um novo encontro para fevereiro do ano que vem. O diálogo irá continuar e como diz Rubens Gualdieri: De uma coisa que começou com o pé esquerdo, podem vir novidades. Talvez boas novidades. Ah, o nosso post não foi o primeiro a tratar do assunto, indicamos o texto Comunicado da Comissão de RP sobre a reunião na FACAMP publicado no blog da ABRP São Paulo.

3 comentários:

Anônimo 16 de janeiro de 2011 11:53  

Perche non:)

Anônimo 16 de janeiro de 2011 11:53  

molto intiresno, grazie

Anônimo 6 de junho de 2013 22:21  

http://achatcialisgenerique.lo.gs/ vente cialis
http://commandercialisfer.lo.gs/ cialis generique
http://prezzocialisgenericoit.net/ cialis ricetta medica
http://preciocialisgenericoespana.net/ comprar cialis

Related Posts with Thumbnails

RPs blogs e blogueiros

Outros blogs e blogueiros

  © Ocappuccino.com :: Desde junho de 2008 - Porto Alegre - RS - Brasil | contato@ocappuccino.com | @ocappuccino |

Home