quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

A importância da simpatia na comunicação.

Por Fernanda Fabian, estudante de Relações Públicas da Unisinos

Nada como ter à disposição 365 dias novinhos para pensarmos em novos projetos, ações, estratégias... E termos a oportunidade de acertar e errar, fazer e acontecer. Aspectos para a vida pessoal e profissional.

Quero começar este post, o primeiro do ano, com uma citação da introdução do livro de Tim Sanders O fator gente boa:

Pessoas simpáticas e que possuem o que chamo de alto Fator GB (Gente Boa) tendem a se adaptar com mais facilidade aos seus empregos, a fazer amizades rapidamente e a ter relacionamentos mais felizes. Já os antipáticos têm um baixo Fator GB e geralmente sofrem turbulências no trabalho, nas amizades e no casamento. [...] Acredito que a simpatia não é apenas uma maneira de melhorar a sua vida – é uma maneira de salvá-la. [....] Diversos estudos comprovam que a antipatia é um dos motivos básicos do fracasso, enquanto a simpatia é o principal instrumento para a conquista do sucesso por meio da superação de obstáculos.

Apesar de parecer um daqueles livros de autoajuda, o que o autor propõe é mostrar ao Mundo como aspectos simples (e básicos) como a gentileza, educação e principalmente carisma e simpatia podem ser fundamentais para a vida das pessoas. Coisas simples podem sim mudar toda uma vida.

Eu trouxe este livro como base pro post para falar uma coisa simples a todos os nossos leitores: sejamos simpáticos! Isso é fundamental para quem trabalha com comunicação. Eu ousaria em dizer que é primordial. E mais uma vez, trago as palavras do autor, em um momento que ele fala sobre a necessidade das pessoas em ter a liberdade financeira, e para isso alguns não medem esforços:

Uma pesquisa feita em 2004 pela CNN revelou que apenas 43% dos trabalhadores americanos estão satisfeitos com seus chefes. O motivo que mais leva as pessoas a abrir negócios próprios é a sensação de serem tratadas como escravas por chefes negativos. De acordo com Mark Foyer, produtor do programa de TV Financial Opportunity Spotlight, milhares de americanos trabalham para um chefe carrasco ou para uma empresa ruim com o objetivo de poupar dinheiro e abrir seus próprios negócios [...].

E nem precisamos ir muito longe para saber que isso existe, e muito, a pesquisa é americana, mas no nosso país temos várias situações que percebemos isso. Quem nunca foi em alguma loja de roupas, por exemplo, e foi atendido por uma vendedora que estava sem vontade alguma de vender e que, ao seu ponto de vista, foi estúpida e grossa? Isso pode ser um reflexo de como é a política da empresa, do quanto de motivação para ser atenciosa e simpática ela deve ter por parte de seus superiores. Claro, salvo exceções de problemas pessoais. Mas sabemos que isso existe e muito.

Percebem onde entra a comunicação? Qual o trabalho de um Relações Públicas nesses casos? Às vezes nos preparamos para tentar revolucionar uma empresa com diversas ações para ela poder desenvolver melhor sua comunicação com seus públicos; mas, na verdade, o que ela precisa é simplesmente isso: um pouco mais de simpatia, principalmente por quem conduz a organização.

E isso não vale somente para aplicarmos aos nossos clientes ou nas empresas que trabalhamos. São tantos os momentos que temos vontade de desligar o telefone na cara do cliente por saber que aquilo que ele quer não é possível ou não é daquela forma. Ou ainda, com um fornecedor que não entregou no prazo ou da maneira que pedimos. Brigar, discutir ou ser antipático não é uma atitude que vai lhe trazer a solução. É nessa hora mesmo que entra a força da simpatia! Porque só assim que a outra pessoa vai lhe ouvir e entender o que você quer dizer, se você fala com raiva ou utiliza palavras grosseiras, vai entrar por um ouvido e sair por outro, e a resolução disso pode ser ainda pior.

As pessoas simpáticas conseguem cativar as demais e espalhar isso a todas. Elas possuem habilidade de estabelecer relações mais intensas e conquistam a atenção das outras pessoas, o que as levam a obter maior segurança para uma liderança. Além disso, as pessoas contrárias, com estilo antipático, acabam limitando suas informações, não repassam elas por terem uma conduta mais fechada. E isso pode gerar um grande problema, pela falta de comunicação.

Para finalizar, uma pesquisa feita pela Universidade do Texas, em 1997, sobre a persuasão. Foi solicitado que 10 alunos assistissem por uma tarde à aula de 12 professores, sobre assuntos diversos. No dia seguinte eles responderam questões diversas sobre as aulas e deram notas aos professores nos quesitos simpatia, credibilidade e autoria. O resultado foi que os professores que receberam maiores pontuações em simpatia também se saíram bem no que se refere à recordação por parte dos alunos do conteúdo.

Isso mostra que quando você faz uma pessoa se sentir bem, ela vai escutar o que você diz e vai armazenar melhor a informação. Então, caros colegas, o que lhes digo é isso: em 2010 pratiquemos mais a simpatia, seja para nossas vidas pessoais, nas empresas em que trabalhamos ou para os clientes que possuímos. Afinal, temos um ano inteiro para praticar!

7 comentários:

Janine 6 de janeiro de 2010 10:39  

Básico do básico para uma boa comunicação. Perfeito post!

marisa 6 de janeiro de 2010 13:27  

Adorei o post, Fernanda. Simples, básico, mas às vezes a gente se esquece disso.

Me fez pensar em quantas vezes já caí na armadilha do "me deixem só" - aqueles dias em que você não está a fim de falar com nimguém, de dar atenção a ninguém e acaba sendo antipático só pra ver se te esquecem.

Uma falha a ser corrigida, com certeza. :)

Abraços!

Conhecimento e Informação 6 de janeiro de 2010 17:48  

Adorei o post...na verdade a simpatia pode ser uma questão pessoal de cada um, algumas pessoas tendem a não desenvolver isso com qualidade.

abs
Sueli

Guilherme Freitas 6 de janeiro de 2010 22:03  

Sem dúvida faz diferença uma pessoa simpática no mercado de trabalho. É muito melhor alguém que de atenta e trabalhe com boa vontade com você, do que alguém sempre mal-humorado. Curti o artigo. Um abraço pessoal.

Francis 7 de janeiro de 2010 12:30  

Vou começar a ler mais seus post`s adorei este! Parabéns e viva a simpatia!

Fernanda Fabian 7 de janeiro de 2010 21:34  

Janine, Marisa, Sueli, Guilherme e Francis: Muito obrigada pelas visitas e comentários! São sempre muito importantes para continuarmos a trazer assuntos de interesse a todos!

Sejam sempre muito bem-vindos para 'saborearem' o cappuccino! :)
ah, e que todos possamos levar a simpatia para todos os lugares, hein?! :D

Anônimo 8 de janeiro de 2010 18:08  

Your blog keeps getting better and better! Your older articles are not as good as newer ones you have a lot more creativity and originality now keep it up!

Related Posts with Thumbnails

RPs blogs e blogueiros

Outros blogs e blogueiros

  © Ocappuccino.com :: Desde junho de 2008 - Porto Alegre - RS - Brasil | contato@ocappuccino.com | @ocappuccino |

Home